segunda-feira, 14 de abril de 2014

Administração do TRT/CE faz vistoria em obra do novo Fórum do Cariri

Gazeta de Notícias -
Jurisdição: A Região do Cariri possui atualmente três varas do trabalho: duas em Juazeiro do Norte e uma no Crato. Elas resolvem conflitos trabalhistas de 26 municípios e ano passado receberam juntas 2.300 processos para julgar
A presidente do Tribunal Regional do Trabalho Ceará, desembargadora Roseli Alencar, realizou, na sexta-feira (11/4), vistoria na obra do novo Fórum da Justiça do Trabalho da Região do Cariri, em Juazeiro Norte. O objetivo era verificar o cumprimento de prazos e de requisitos do projeto de construção. Ela foi acompanhada por desembargadores e diretores do TRT/CE.
“Participamos diretamente de todas as etapas do projeto, desde o levantamento de recurso até o início da construção. Este será o segundo maior Fórum da Justiça do Trabalho no Ceará”, disse a desembargadora Roseli Alencar. Ela também alertou o representante da construtora sobre a necessidade de concluir a obra no prazo.
Segundo o engenheiro responsável pela obra, Rafael Melo, o cronograma de trabalho está adiantado em um mês. “O prazo contratual para a entrega é nove de dezembro de 2014, mas queremos concluir em novembro”, afirmou.
O Fórum Paulo da Silva Porto está sendo construído em um terreno doado pela prefeitura de Juazeiro do Norte de aproximadamente 5 mil metros quadrados. O prédio, projetado para receber até quatro varas do trabalho, será equipado com itens de acessibilidade e sustentabilidade, como revestimento acústico, central de ar-condicionado inteligente, sistema de captação de águas pluviais e espaços ergonômicos.
Estiveram na obra os desembargadores Plauto Carneiro Porto, Durval Cesar de Vasconcelos Maia e Regina Gláucia Cavalcante Nepomuceno. Também participaram da vistoria o juiz Clóvis Valença, a diretora-geral do TRT/CE, Neiara Cysne Frota, o diretor de Controle Interno, Ricardo Domingues da Silva, e o secretário de desenvolvimento econômico de Juazeiro do Norte, José Roberto Celestino.
Jurisdição: A Região do Cariri possui atualmente três varas do trabalho: duas em Juazeiro do Norte e uma no Crato. Elas resolvem conflitos trabalhistas de 26 municípios e ano passado receberam juntas 2.300 processos para julgar. As unidades são responsáveis por umas das maiores movimentações processuais do Ceará, perdendo apenas para as varas de Fortaleza e Maracanaú.

Inscrições para o concurso do Banco do Nordeste começam nesta terça-feira

Gazeta de Notícias - Da Redação

Remuneração inicial é de R$ 2.043,36 para uma jornada de 30 horas semanais

As inscrições para o concurso do Banco do Nordeste do Brasil (BNB) para nível médio começam nesta terça-feira (14). São oferecidas 12 vagas imediatas, mais formação de cadastro de reserva, para o cargo de analista bancário. A remuneração inicial é de R$ 2.043,36 para uma jornada de 30 horas semanais. Os aprovados também terão direito a benefícios como Auxílio-Refeição, Auxílio Cesta de Alimentação, e Auxílio-Creche.
As inscrições ficam abertas até 08 de maio, pelo site da Fundação Getúlio Vargas. A taxa é de R$ 60. No momento da inscrição, o candidato deverá indicar o Polo de Classificação para o qual deseja concorrer. A Prova Escrita Objetiva será realizada em 34 municípios brasileiros, no dia 08 de junho, das 13h às 17h. A prova será composta por 80 questões de Conhecimentos Básicos (Língua Portuguesa, Matemática, e Conhecimentos Gerais) e Conhecimentos Específicos.
Na Bahia, a prova será aplicada nas cidades de Barreiras, Feira de Santana, Ilhéus, Juazeiro, Paulo Afonso, Salvador, Teixeira de Freitas, e Vitória da Conquista. As vagas são para os estados de Alagoas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Maranhão, Minas Gerais, Paraíbas, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte, e Sergipe.
A convocação dos candidatos aprovados no concurso ocorrerá de acordo com as necessidades de provimento de vagas e as disposições normativas internas da instituição. Na convocação para a posse, o candidato que não aceitar ser empossado na cidade indicada pelo Banco do Nordeste para sua lotação, pertencente ao Polo de Classificação para o qual optou, terá seu nome excluído desse Polo, permanecendo na lista de Classificação por Estado e na lista de Classificação Geral para o cargo.
O empregado será regido pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT). O prazo de validade do concurso será de dois anos, contados a partir da data de homologação do resultado final, podendo ser prorrogado pelo mesmo período a critério da Administração do Banco do Nordeste.

sexta-feira, 11 de abril de 2014

Morre ex-monsenhor condenado por pedofilia contra coroinhas de Alagoas


Morre ex-monsenhor condenado por pedofilia contra coroinhas de Alagoas

Gazeta de Notícias -
Ex-monsenhor Raimundo Gomes, 57, não resistiu às complicações do AVC. Ele foi condenado em 2011, por pedofilia em Arapiraca, a 16 anos de prisão.  Morreu na tarde desta quarta-feira (26), em um hospital particular de Maceió, em decorrência de complicações provocadas por um Acidente Vascular Cerebral (AVC), o ex-monsenhor Raimundo Gomes do Nascimento, 57. Ele é um dos religiosos que foram condenados pelo crime de pedofilia contra coroinhas, escândalo sexual que ganhou repercussão nos anos de 2010 e 2011 em Arapiraca, município do Agreste alagoano.
Em nota de falecimento, publicada na página da Diocese de Penedo, foi informado que o religioso estava internado desde o dia 8 de março após um AVC, e faleceu por volta das 15h desta quarta. O velório do religioso, que havia sido condenado a 16 anos de prisão, acontecerá na Paróquia Sagrado Coração de Jesus, em Arapiraca, e a Missa de corpo presente celebrada na tarde do dia 27 de março, com sepultamento previsto para as 15h no Cemitério Pio XII, em Arapiraca.
Entenda o caso
Em 19 de dezembro de 2011, o juiz João Luiz de Azevedo Lessa, titular da Vara da Infância e da Juventude de Arapiraca, condenou os religiosos Luiz Marques Barbosa, Raimundo Gomes e Edílson Duarte pelo crime de abuso sexual infantojuvenil. Além da pena de prisão, o monsenhor Luiz Marques, que, à época, tinha 83 anos, também foi sentenciado a pagar uma multa de 30 vezes um salário mínimo.
Os sacerdotes são réus no processo que apurou delitos de atentado violento ao pudor contra os ex-coroinhas Fabiano Silva Ferreira, Cícero Flávio Vieira Barbosa e Anderson Farias Silva, conforme denúncia apresentada em março de 2010 pelo Ministério Público Estadual de Alagoas.
O escândalo se tornou público após a divulgação de um vídeo onde o monsenhor Luiz Marques Barbosa aparece mantendo relações sexuais com um jovem de 19 anos. A gravação foi realizada em janeiro de 2009 por outro jovem que também teria sofrido abusos, segundo as denúncias. À Justiça, os rapazes contaram que eram abusados desde os 12 anos, quando entraram para a Igreja Católica. Eles afirmaram que foram alvo do assédio sexual do monsenhor.

Banco do Nordeste: Meta para 2014 é regularizar R$ 1,7 bilhão em dívidas rurais


Fortaleza (CE), 01 de abril de 2014 - Regularizar mais de 523 mil operações de crédito, totalizando R$ 1,7 bilhão em dívidas rurais renegociadas, é uma das metas operacionais do Banco do Nordeste para 2014. Para tanto, o Banco empenha-se em divulgar as condições de regularização, que beneficiam, principalmente, pequenos e miniprodutores, responsáveis por mais de R$ 1 bilhão em dívidas.

Em 2013, foram mais de R$ 1,9 bilhão em dívidas renegociadas, o que corresponde a 181 mil operações de crédito. Nas renegociações, foram aplicados, além das regras atuais de regulação bancária, os dispositivos legais que beneficiam municípios em estado de emergência ou calamidade pública em virtude da estiagem.

As leis 12.249 (art. 70A), 12.716 e 12.844 (arts. 8 e 9), além das resoluções 4.188, 4.189, 4.211, 4.212, 4.250 e 4.251, que incluem tanto agricultores familares como clientes não enquadrados no Pronaf (Programa Nacional Fortalecimento da Agricultura Familiar).

As condições de negociação englobam, em grande parte dos casos, os benefícios proporcionados pelo Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE), com direito a prorrogação de parcelas, rebates de até 85% sobre o valor atualizado e prazos de até 10 anos para liquidação, com primeiro pagamento em 2016, em algumas situações.

Divulgação

Entre as ações desenvolvidas pelo Banco do Nordeste para divulgar as condições de renegociação estão inserções na mídia regional (TV, rádio, jornal, carro de som etc.), contato com clientes por meio da Central de Relacionamento, reuniões com parceiros e entidades representativas, visitas em assentamentos, distritos rurais e mutirões nas agências.

Além do plano de divulgação, o Banco também simplificou seu processo operacional interno recentemente, o que contribuiu para acelerar o trâmite necessário à renegociação.

A regularização das dívidas beneficia produtores de toda a área de atuação do Banco do Nordeste (região Nordeste e norte de Minas Gerais e Espírito Santo), principalmente dos municípios com situação de emergência reconhecida pelo Governo Federal, em função da forte estiagem dos últimos meses.

Atendimento

Como são muitas as possibilidades de regularização, o gerente do Ambiente de Recuperação de Crédito, Nicola Moreira Miccione, recomenda que o cliente procure o Banco do Nordeste. “Estamos realizando campanha em rádios, reuniões com entidades parceiras e mutirões para chamarmos os clientes a comparecerem às agências. Os empregados do Banco estão aptos a prestar todos os esclarecimentos e dar encaminhamento às propostas para que a regularização ocorra o mais rápido possível”, afirmou.

Mais informações podem ser obtidas por meio da Central de Atendimento ao Cliente do Banco do Nordeste, pelos telefones: 4020 - 0004 (capitais e regiões metropolitanas) e 0800 033 0004 (demais localidades).

quarta-feira, 9 de abril de 2014

Tecnologia :: Técnica melhora o plantio de grãos

Gazeta de Notícias - Vamos falar agora de uma pesquisa da Faculdade de Ciências Agronômicas (FCA) da Universidade Estadual Paulista (Unesp) de Botucatu. Ela demonstra a possibilidade do aumento da produção em até 30% quando o plantio é realizado da maneira correta. Veja clicando no link abaixo: (ou copie cole:)

https://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=em4KJLitpVM

Governo abre três concursos públicos totalizando 236 vagas

Gazeta de Notícias -
SÃO PAULO - O Governo Federal abriu três concursos públicos nesta terça-feira (8), para preencher vagas na Polícia Federal, Ministério do Meio Ambiente e Banco do Nordeste.

Para o Ministério do Meio Ambiente, são 8 vagas para parte administração, no Paraná, Rio Grande do Norte, Roraima e Pará, além de 15 para ciências florestais, nestes últimos três estados. Haverá a classificação para o cadastro de reserva.
A remuneração dessas vagas é de R$ 6.478, sendo que o salário básico representa R$ 3.943 dessa quantia e a inscrição pode ser feita pela internet até o dia 16 de maio.
Para o Banco do Nordeste, são 12 vagas para analista bancário I, trabalhando seis horas por dia - ou 30 horas semanais. Não há a necessidade de diploma.
Para estas vagas, haverá a remuneração de R$ 2.043, sendo que o salário básico representa R$ 1.390 desse valor. As inscrições estão abertas até o dia 8 de maio.
Já a Polícia Federal abriu 216 vagas para agente administrativo, com 40 horas de trabalho semanal e salário de R$ 2.043. Também sem restrições - é necessário apenas o diploma do ensino médio - haverá provas para estas vagas em todas as capitais estaduais e no distrito federal, com vagas também espalhadas pelo país.


Títulos mais acessados