sexta-feira, 12 de setembro de 2014

Instituto Cearense de Direito Administrativo (ICDA) será lançado em Fortaleza nessa segunda (15/09)

Gazeta de Notícias - Evento sediado na Unichristus, às 19h e aberto ao público, apresentará a primeira Diretoria do ICDA e terá a conferência do jurista paranaense Romeu Felipe Bacelar Filho, tratando dos desafios do direito administrativo diante de questões como os investimentos em infraestrutura e as licitações, a necessidade de que as administrações públicas sejam mais transparentes e democráticas e as novas formas de controle da corrupção com a nova Lei anticorrupção.

Gestores públicos, comunidade jurídica e interessados pelo aperfeiçoamento da administração pública são convidados, nessa segunda-feira, 15/09, a partir das 19h, ao lançamento do Instituto Cearense de Direito Administrativo (ICDA).
O evento ocorre no momento em que o Instituto Brasileiro de Direito Administrativo (IBDA) é presidido pelo advogado e professor cearense Valmir Pontes Filho, renomado profissional na área do direito público.
A proposta do instituto é agregar especialistas cearenses e promover sua participação de maneira destacada na discussão dos temas relativos ao direito administrativo e à gestão pública em todo o Brasil”, afirma a advogada Lígia Melo, presidente do ICDA, que é professora da área em vários cursos de graduação e pós-graduação, mestre em direito pela PUC/SP, doutoranda em direito pela PUC/PR e autora de diversos artigos na área do direito público.
Intitulada “Novos Desafios do Direito Administrativo”, a conferência terá por tema os novos institutos do direito administrativo voltados para o controle sobre a corrupção, para a transparência nas ações, de forma a tornar as gestões cada vez mais democráticas e será proferida pelo professor titular da faculdade de Direito da Universidade Federal do Paraná (UFPR) e vice-presidente do IBDA, Romeu Felipe Bacelar Filho.
O jurista é autor de obras que versam sobre processo administrativo, institutos do direito administrativo relacionados ao direito civil, análise de contratos administrativos, além de atuar como advogado nas áreas de servidores públicos e concessões e permissões de serviços públicos.
Dentre as diretrizes do ICDA estão a de elaborar, debater, divulgar e promover estudos e pesquisas em áreas especializadas em direito administrativo; colaborar com os poderes públicos visando ao aperfeiçoamento de instituições de direito administrativo, mediante análise crítica da legislação, de projetos de lei ou de práticas jurídico-administrativas; realizar congressos, encontros, simpósios, seminários e cursos para estudo e debate de temas do direito administrativo, além de estímulo a pesquisa por meio de concursos de monografias e artigos, aberto a todos que queiram participar.

Serviço:
Evento: Lançamento do Instituto Cearense de Direito Administrativo (ICDA).
Local: Auditório I da Unichristus – Campus Dom Luis - av. Dom Luis, nº 911 - 15º andar.
Data e hora: 15/09/2014 (segunda-feira), às 19h.

quinta-feira, 14 de agosto de 2014

Presidenciável do Brasil: Eduardo Campos morre em acidente aéreo

Gazeta de Notícias -

Acidente aéreo

Eduardo Campos morre em acidente aéreo

Candidato à Presidência da República pelo PSB tinha 49 anos. Outras seis pessoas que estavam no voo também morreram no acidente em Santos (SP)

Foto 1 / 19
AMPLIAR FOTOS
Em Santos, peças da aeronave são recolhidas
Em Santos, peças da aeronave são recolhidas - Paulo Whitaker/Reuters
(Atualizado às 13h50)
O candidato à Presidência da República Eduardo Campos (PSB), de 49 anos, morreu em um acidente aéreo na manhã desta quarta-feira na cidade de Santos, no litoral de São Paulo. Outras seis pessoas que estavam no voo também morreram no acidente, segundo o Partido Socialista Brasileiro (PSB).

Ex-governador de Pernambuco, ele morreu no mesmo dia do seu avô, Miguel Arraes, morto há nove anos no Recife. Presidente do PSB, Campos era economista pela Universidade Federal de Pernambuco, foi deputado estadual, deputado federal e ministro de Ciência e Tecnologia no governo Lula. Deixa a mulher, Renata, e cinco filhos.
Vídeo: Filhos gravaram homenagem de Dia dos Pais a Campos

A candidata a vice na chapa, Marina Silva, e o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), seguiram para Santos.
Acidente – O jato Cessna 560XL (prefixo PR-AFA), da empresa paulista AF Andrade Empreendimentos e Participações, decolou do Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro, às 9h21, com destino ao aeroporto de Guarujá (SP). Quando a aeronave se preparava para o pouso, arremeteu devido ao mau tempo. Em seguida, o controle de tráfego aéreo perdeu contato com o jato. A Aeronáutica já iniciou as investigações sobre as causas do acidente.
A campanha do PSB informou que também morreram no acidente Pedro Valadares Neto, ex-deputado e assessor particular do candidato; Carlos Augusto Percol Filho, assessor de imprensa; Marcelo de Lyra, cinegrafista; e Alexandre Severo, fotógrafo. As outras duas vítimas são os pilotos da aeronave Geraldo da Cunha e Marcos Martins.

A queda ocorreu por volta das 10h. A poucos metros do local do acidente funcionam uma escola infantil e uma academia de ginástica. A Polícia Federal também seguiu para o local do acidente. 

Leia a íntegra da nota da Aeronáutica:

O Comando da Aeronáutica informa que nesta quarta-feira (13/08), por volta das 10h, uma aeronave Cessna 560XL, prefixo PR-AFA, caiu na cidade de Santos, no litoral de São Paulo. A aeronave decolou do Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro, com destino ao aeroporto de Guarujá (SP). Quando se preparava para pouso, o avião arremeteu devido ao mau tempo. Em seguida, o controle de tráfego aéreo perdeu contato com a aeronave. A Aeronáutica já iniciou as investigações para apurar os fatores que possam ter contribuído para o acidente.

segunda-feira, 11 de agosto de 2014

quinta-feira, 7 de agosto de 2014

Crescimento das exportações agrícolas está alinhado a aumento na oferta de linhas de crédito, diz Geller

Expectativa é que produção agrícola nacional deste ano atinja marca histórica de 200 milhões de toneladas
Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative CommonsTecnologias aplicadas à agricultura, investimentos em logística, uma política bem definida de crédito ao produtor rural contribuem para a expectativa de que a produção agrícola nacional deste ano atinja a marca histórica de 200 milhões de toneladas. De acordo com o ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Neri Geller, a decisão do governo em aumentar a oferta de linhas de crédito para agricultores de todos os portes está afinada com o potencial de crescimento do setor.
 “Nós exportamos quase R$ 100 bilhões e um superávit de R$ 82 bilhões, gerando muitas divisas para o nosso país. E isso se deu alinhado ao poder de incorporar tecnologia, a capacidade de produção do nosso produtor, mas também a uma política bem definida de crédito, de comercialização e também do seguro”, disse Geller.
Com foco no apoio estratégico aos médios produtores, o Plano Agrícola e Pecuário para a safra 2014/2015 tem recursos recordes à disposição do produtor nacional: serão R$ 156 bilhões em crédito, um aumento de 14,7% em relação à safra anterior e com taxa de juros variando entre 4,5 e 7,5%. Apenas para a faixa dos produtores de médio porte, serão R$ 16,7 bilhões disponibilizados por meio do Programa Nacional de Apoio ao Médio Produtor Rural (Pronamp), registrando um acréscimo de 26,5% em relação ao ano passado. Além disso, o Pronamp, este ano, aumentou em 10% os limites de financiamento para custeio e investimento.
 Instituído em 2007, inicialmente com R$ 100 milhões, o seguro rural hoje conta com R$ 700 milhões em recursos do Tesouro Nacional para proteger o produtor agrícola, priorizando regiões com risco de desastres naturais, como seca, enchentes e geadas.
Atendendo reivindicações do setor, foi postergada para 1º de julho de 2015 a obrigatoriedade da contratação do seguro rural nas operações de custeio agrícola feitas por médios produtores. Além disso, o limite de financiamento para a comercialização de sementes passa a ser de R$ 25 milhões por beneficiário, tendo como referência o preço de mercado.

quarta-feira, 9 de julho de 2014

A Bella da Semana - Suzana Kviatkoski

Suzana Kviatkoski - Ela já fez sexo ao lado de uma viatura policial, se vestiu de colegial para satisfazer um homem na cama, e pensou em ficar com uma mulher. Aos 23 anos, a nova modelo do Bella da Semana é assim: intensa em tudo o que faz. Suzana Kviatkoski adora sentir-se desejada e diz que homem tem que ter pegada, além de ser fiel e carinhoso. Quem sabe você não possa satisfazer os desejos da moça... Clique para ter o privilégio de vê-la nua pela primeira vez na carreira!
Nome: Suzana Kviatkoski.
Data de nascimento: 12 de janeiro de 1991.
Local de nascimento: União d"Oeste (SC).
Mora em: Palhoça (SC).
Signo: capricórnio.

Medidas
Altura: 1,60 cm.
Quadril: 97 cm.
Cintura: 62 cm.
Busto: 88 cm.
Pés: 35.

Tem algum apelido? Suzy.

Sonho de consumo:  ter meu próprio negócio e fazer um cruzeiro.

Maior loucura que já fez na vida: já fiz tantas loucuras na vida, que é até difícil saber qual é a maior de todas. O melhor é que ainda pretendo fazer várias!

segunda-feira, 7 de julho de 2014

Gazeta de Notícias


Títulos mais acessados